Haters – A Melhor Propaganda

Outro dia eu estava falando de uma reação muito criativa ao pessoal que tenta tirar onda de sofisticado que é a página do Unidos Contra O Rock. Mas nem sempre, o efeito colateral de tanta manifestação é bom.

Um post no twitter de um amigo me abriu os olhos hoje – a temática nas redes sociais tem se limitado a Michel Teló e BBB. Nada contra os dois, mas esse oligopólio é chato. E o mais curioso, pelo menos no que eu leio, é uma chuva de protestos com o hype em torno do cantor sertanejo e uma campanha maciça contra o reality show ocupar os feeds e timelines. E as defesas são poucas diante dos ataques.

Não é questionando o sucesso do Teló ou do Big Brother. Mas as pessoas gastam tanto tempo falando daquilo que não gostam, falando “não fala disso!” ou “como podem falar disso?” que acaba só se falando “disso”. As correntes contra o BBB tem funcionado mais para me colocar no “clima” do programa do que as chamadas de TV.

Não só por uma questão de tolerância e por ser positivo lidar com aquilo que é diferente, mas cuidado com o sonho de um feed/uma timeline cor de rosa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: